Conecte-se agora

Lançamento

Verão: troca de filtro do ar-condicionado evita calor e prejuízo

Publicado

em

A estação mais quente do ano já começou e na lista de prioridades para enfrentar as altas temperaturas está, sem dúvida, o ar-condicionado do veículo. Mas de nada adianta ter o aparelho se ele não cumpre o seu papel.

Se isso acontece com seu carro, fique atento: pode ter passado a hora de trocar o filtro do ar-condicionado. “O filtro geralmente fica ‘escondido’ na parte interna do carro e pode passar despercebido, gerando riscos e prejuízo para o motorista”, afirma o gerente de pós-venda da Kurumá no Estado, Marcelo Marques.

Marques explica que o equipamento merece cuidado e deve passar por manutenção periódica. “A troca do filtro do ar não é um dos itens obrigatórios nas revisões, mas faz toda diferença. Em nossas concessionárias, a orientação para toda a equipe de serviço é verificar 100% dos veículos, pois um filtro sem troca há muito tempo exige mais do carro, aumenta o consumo do combustível, piora a qualidade do ar que circula na parte interna do carro e ainda reduz o desempenho do ar-condicionado”, afirma.

Em alguns casos, o filtro está tão sujo que a simples troca não é suficiente e precisa ser realizada uma limpeza completa do sistema, inclusive da caixa evaporadora, o que torna o serviço mais caro. Por isso, a manutenção preventiva com a troca do filtro e higienização do sistema é sempre a melhor opção.

De acordo com Marques, mais de 90% dos motoristas que procuram as concessionárias Kurumá em todo o Estado não se atentam para esse item. “Isso acontece não só com o filtro do ar-condicionado, mas com outras peças menos visíveis. Mas com esse calor, na dúvida, é melhor verificar como está o filtro do ar do carro”, finalizou.

Quando trocar

Para saber se está na hora de trocar o filtro, é importante conferir a indicação do fabricante do veículo. “Em média, a recomendação é a substituição na faixa dos 10 mil quilômetros rodados”, ressalta o gerente geral da Land Vitória, Guto Roque.

A manutenção preventiva, orienta, é sempre o caminho mais seguro e barato pra evitar prejuízo. “O carro é um patrimônio de alto valor, que exige bastante disciplina e planejamento financeiro para ser adquirido. Então não esqueça: realizar uma boa manutenção é uma ótima forma de valorizar seu investimento. Para isso, é preciso cuidar de todos detalhes, o que inclui o momento de trocar o filtro de ar do carro”, disse.

Quem adora pegar estrada, sobretudo de terra, deve redobrar a atenção com esse item. “O filtro de um carro que anda bastante em estradas de terra, com muita poeira, certamente vai se degradar mais rápido do que aquele utilizado a maior parte do tempo na cidade. Para completar a manutenção preventiva, vale também uma checagem visual, isso ajuda muito! Se o filtro estiver com bastante poeira acumulada, escurecido, não há o que discutir. É preciso fazer a substituição”, garante Roque.

 

Fique ligado!

– O filtro do ar-condicionado “segura” a sujeira e proteger o sistema de refrigeração;

– Cheiro de mofo e dificuldade de ventilação são sinais de que o filtro está muito

sujo;

– Falta de revisões periódicas podem acumular fungos e bactérias no filtro e no ar que circula dentro do veículo.

 

Espírito Santo

2019 promete vários lançamentos

Publicado

em

 

Assim como em 2018, o ano de 2019 será de vários lançamentos, alguns bem importantes para o mercado. Vamos listar os principais lançamentos que vão agitar o mercado brasileiro.

 

JAC Motors

Para começar, em Janeiro já terá lançamento. Trata-se do Jac T80 que chega para complementar a gama de SUV’s da marca, inclusive com o portfólio da marca mudado que hoje só trabalha com SUV ou melhor tem um caminhãozinho que é o V260. A marca retirou de linha alguns veículos que fizeram parte de sua história no Brasil, como J2, J3, J5, J6 e agora por último o T8, sua minivan de luxo que saiu de linha e deve voltar em breve com seu novo facelift.

Foto: Divulgação

O T80 que tem previsão de lançamento agora para Janeiro, o SUV já foi visto sem disfarce várias vezes pelas ruas de São Paulo e até mesmo no lançamento do T50. O T80 será equipado com motor 2.0 Turbo de 210 cv e terá capacidade de transportar até 7 passageiros. O modelo promete ser o chinês mais tecnológico e caro vendido no Brasil, seu preço é de R$ 139.990.

Foto: E40/ Divulgação

Além do T80, a Jac anunciou também o lançamento do E40, versão elétrica do T40, o modelo deve ser lançado em Julho de 2019 e promete ser o elétrico mais barato do Brasil custando R$ 129.900. Na metade de 2019 ainda deve ser apresentada picape da marca, conhecida como Frison. Ainda não tem informações concretas sobre o modelo.

 

 

Chevrolet

Quem deve dar as caras pelo Brasil é a nova geração do Onix e Prisma, os dois que são líderes de vendas do segmento terão uma drástica mudança em seu visual. O modelo já foi divulgado pela mídia chinesa e circulou o mundo as imagens dos modelos. O modelo será o mesmo que será lançado na China e aqui passará a se chamar de Onix Plus.

Foto: Internet

Toyota

Quem também passará por uma grande mudança será o Corolla, modelo será totalmente renovado e mais esportivo. O Corolla que é líder do seguimento agora vai tentar conquistar novos clientes, o modelo fica mais moderno e mais agressivo em seu visual. No interior também terá bastante mudança com suas novas linhas de desenho do painel.

Foto: Internet

O modelo será produzido na fábrica de Indaiatuba (SP) que já está sendo atualizada para plataforma TNGA. Além da mudança no visual o modelo também terá sua versão hibrida que já é a muito tempo esperado pelos brasileiros. Seu lançamento será no segundo semestre de 2019.

Volkswagen

A Volkswagen vai lançar o T-Cross, modelo que já foi visto no Salão do Automóvel de São Paulo 2018. O modelo usará a plataforma MQB e terá duas opções de motor, o 1.0 TSI e 1.4 TSI. Sua faixa de preço vai variar de R$ 85 mil a R$ 110 mil e deve ser lançado em Abril.

Hyundai

Outro modelo de grande sucesso no Brasil é o HB20, o modelo realmente conquistou os brasileiros que estavam acostumados com veículos mais básicos. O HB20 foi lançado na mesma época que o Onix e teve seu lugar no mercado com seu design marcante.

Agora o modelo passará por mudança, não será uma nova geração e sim um tapa no visual, mas que também não será tão pequeno. O modelo já foi flagrado circulando em testes pelo Brasil mas sem nenhuma pista de visual. Mas tudo indica que será inspirado no conceito SAGA que foi apresentado no Salão do Automóvel.  Outra grande novidade para o modelo é o novo motor 1.0 turbo que já era esperado para o modelo.

BMW

A BMW lançará o novo Serie 3, modelo que foi a grande estrela no Salão do Automóvel de São Paulo 2018. O modelo será lançado em Abril e contará com motor 2.0 turbo de 258 cv e 40,8 kgfm.

 

Mercedes

Com certeza a Mercedes tem alguns lançamentos para 2019, um deles é o novo Classe A  sedã que usa uma base totalmente nova e traz o novo sistema multimídia da Mercedes, a MBUX e como opcional o sistema semi-autônoma.

Outro grande lançamento esperado da marca com certeza é o Classe X que é mantido a sete chaves pela Mercedes que inclusive nem a apresentou no SDA 2018 para não tirar o foco dos outros modelos da marca.

A Classe X será a primeira picape da marca e dividirá a mesma plataforma da Nissan Frontier e terá como principal concorrente a VW Amarok V6. Seu lançamento? Segundo semestre de 2019.

Renault

Outro que passará por um pequeno facelift será o Renault Sandero e Logan.  Os modelos não serão os mesmos rodados na Europa mas ganharam nova frente um pouco mais moderna, mas a grande mudança ficará na traseira que ganhará lanterna dupla que invadirá também a tampa do porta-malas. Na mecânica motor 1.6SCe com câmbio CVT.

Foto: Internet

Chery

Apesar de no ES não possuir mais concessionária Chery vamos falar assim mesmo do próximo lançamento da Caoa Chery que vem com bastante lançamento desde a fusão da Chery com a CAOA. O primeiro foi o Tiggo 2, Arrizo Tiggo 5x e agora será a vez do Tiggo 7 que virá para concorrer com o Jeep Compass e outros SUV’s médios. O modelo será equipado com motor 1.5 turbo de 147 cv e 21,4 kgfm de torque e câmbio automático de dupla embreagem de seis marchas. Seu preço? A partir de R$ 100 mil e pode chegar aos R$ 120 mil.

Volkswagen

Além do T-Cross anunciado acima, outro lançamento será o Polo e Virtus na versão GTS que se trata da sigla esportiva da marca. Fãs da marca irão gostar dessa versão dos modelos, inclusive foi destaque no SDA 2018. Os modelos usaram o motor 1.4 TSI  de 150 cv e acerto de suspensão, freios e direção.  Seu visual está muito parecido com ao Polo GTI vendido na Europa, como rodas 18” e seus bancos do tipo semi-concha.  Os preços ficarão na casa dos 90 mil.

Foto: Gustavo Lopes

Citroen

Indo na onda de SUV’s a Citroën que faz parte da PSA irá importar o C5 Aircross para o nosso mercado por conta da boa aceitação do Peugeot 3008 que também faz parte da PSA. O modelo usará o motor 1.6 turbo THP com 165 cv e câmbio automático de 6 marchas.

Porém sua vinda não será tão próxima, pois depende de seu lançamento no mercado europeu que deve ocorrer no final de 2019 e início de 2020

Ford

A Ford também tem algumas apostas para 2019, um deles é Ford Edge ST que já aparece em seu site como futuro lançamento.  O modelo será equipado com uma transmissão automática de 8 velocidades combinado com motor 2.7 V6 EcoBoost de 340 cv.

Além do Edge também teremos o EcoSport sem estepe na porta traseira e a versão Storm da Ranger.

Land Rover

Para fechar essa lista tem o Defender, recém anunciado pela Land Rover a volta de produção do modelo que parou de ser produzida em 2015 e agora volta ao mercado. O veterano do off-road será vendido nos EUA e Canadá em 2020, mas não tem previsão de ser comercializado no Brasil. Mas, entre os apaixonados pela marca, a expectativa pelo lançamento é grande. O gerente geral da Land Vitória, Guto Roque, comenta que o modelo será o veículo com maior capacidade off-road já lançado pela Land Rover em toda a sua história. “Os carros estão sendo avaliados em condições extremas de temperatura e de altitude, e prometem inúmeras novidades tecnológicas em termos de assistência ao motorista e conectividade”, contou.

Foto: Divulgação

Outro modelo da marca que também foi anunciado é a nova geração do Evoque que fica mais parecido com o Velar onde já estão o chamando de mini Velar por sua grande semelhança entres os modelos. Assim como o Defender ainda não tem previsão para o Brasil, mas acreditamos que logo será trazido para o nosso mercado, diferente do Defender.

 

E aí, gostou das novidades? Sentiu falta de algum lançamento? Então comente ai!

Continue Lendo

Lançamento

Volvo Car Brasil apresenta o novo V60 no país

Publicado

em

Após diversos lançamentos no decorrer do ano – como o XC40 e as versões híbridas do XC60 e do S90, que ajudaram a levar a Volvo Car Brasil a um crescimento de 94% nas vendas entre janeiro e novembro comparado a 2017 – a fabricante sueca fecha o ano apresentando um dos veículos globais mais emblemáticos de sua gama: a dinâmica e versátil station wagon V60.

O veículo poder ser reservado em uma das 35 concessionárias da marca por R$ 199.950,00.

O modelo chega em versão única de acabamento, Momentum. A exemplo do XC60 e dos modelos da série 90, como o XC90 e o S90, a V60 é fabricada sobre a moderna plataforma modular SPA (Scalable Product Architecture), garantindo uma experiência de condução dinâmica, proporções exclusivas e as mais recentes tecnologias de segurança. Ela apresenta ainda um novo padrão para o segmento premium das stations médias com um interior luxuoso, ótimo espaço e conectividade avançada.

Foto: Divulgação

Design exclusivo

Os traços que definem o Volvo V60 simbolizam o mais puro design escandinavo. Dinâmico e elegante, o modelo possui forte personalidade ressaltada por uma grade dianteira imponente e faróis em FULL LED no formato Martelo de Thor – elemento de destaque na linguagem de design da Volvo Cars – com funções de acendimento e nivelamento automáticos e luzes dianteiras de condução diurna de LED.

As laterais com linhas esculpidas enfatizam a elegância do carro, destacadas pelas barras de teto de alumínio, friso dos vidros laterais com acabamento no mesmo material e rodas de liga leve de 18 polegadas.

A traseira é fortemente definida pela lanterna com feixes de LED, composta por um conjunto ótico elevado de desenho marcante, que se prolonga até a tampa do porta-malas.

Interior sofisticado e inspirador

Luxuoso, o interior do V60 utiliza materiais genuínos por toda a cabine, esculpidos em harmonia com o design escandinavo. Além de desfrutar de uma cabine requintada, os passageiros contam com sistema de entretenimento e conectividade Sensus Connect, acessível pela tela antirreflexo sensível ao toque de 9 polegadas de LCD no painel central, que reúne praticamente todos os comandos do veículo em um único lugar.

Desenhada para auxiliar o motorista sem tirar sua atenção da via, possui gráficos limpos e nítidos com formato vertical que torna ainda mais fácil a leitura de mapas e informações. A tela de 9 polegadas é tão sensível que você pode usá-la com luvas, e a superfície é revestida com um material especial que reduz o brilho.

Navegação, conectividade e entretenimento estão a pouquíssimos toques ou mesmo no comando de voz. Como nos modelos da série 90 e 60, a integração do smartphone está disponível com os aplicativos Apple CarPlay e Android Auto.

Além de disponibilizar sistema de áudio High Performance com 10 alto-falantes de 170W, a interface Sensus integra o Volvo On Call, um serviço de segurança, proteção e conveniência – presente em todos os Volvo vendidos no país desde 2012 – que oferece assistência 24h, auxílio de emergência e localização em caso de roubo ou furto. Extremamente útil, permite ao condutor, por meio de seu aplicativo no smartphone, controlar o nível de combustível, trancar e abrir as portas, climatizar a cabine à distância, dar partida remota e enviar destinos para o sistema de navegação, por exemplo.

Para tornar a direção ainda mais simples e prazerosa, o V60 apresenta painel de instrumentos digital personalizável de 12,3″, que traz as informações mais relevantes à frente do motorista, ajustando sua luminosidade automaticamente de acordo com as condições de luz ao redor.

Com a nova plataforma modular, o novo V60 ganhou entre-eixos 9,6 cm maior que a geração anterior. Além disso, os assentos dianteiros estão mais finos e os traseiros, desenhados para um melhor espaço para as pernas dos passageiros, garantindo excelente conforto a todos. O porta-malas tem volume de 529 litros, que podem ser expandidos para até 1.364 litros com o rebatimento dos bancos traseiros. O encosto traseiro do V60 adapta a diferentes necessidades com sua divisão 60/40, podendo ser dobradas para uma superfície de carga quase plana.

Foto: Divulgação

Referência em dirigibilidade

As station wagons são reconhecidas por sua estabilidade e dirigibilidade apurada. O Volvo V60, entretanto, vai além ao oferecer modos de direção para proporcionar ao motorista uma experiência mais dinâmica ao volante. Usando um botão de seleção posicionado entre os bancos dianteiros, o condutor pode alternar facilmente entre três configurações pré-estabelecidas ou personalizar a sua própria, que alteram rotação para mudança de marcha, resposta do acelerador e peso da direção:

• Eco: privilegia economia de combustível;
• Confort: prioriza suavidade no uso diário;
• Dynamic: para uma condução mais esportiva;
• Individual: customiza a configuração.

O controle excepcional é garantido também pela suspensão dianteira de duplo triângulo, enquanto a traseira possui a inovadora configuração “integral link”. A station wagon chega equipada com controle dinâmico de estabilidade e tração.

O modelo dispõe de transmissão automática de 8 velocidades acoplada ao renovado motor T5 Drive-E, de 2 litros, 4 cilindros em linha, com turbocompressor e injeção direta de gasolina, que produz 254 hp de potência máxima a 5.500 rpm e 350 N.m de torque entre 1.500 e 4.800 rpm. Trata-se de um propulsor reconhecido por sua eficiência e baixo nível de emissão de poluentes.

Um modelo tecnológico em conforto e segurança

A exemplo dos últimos lançamentos da marca, o V60 chega ao Brasil equipado com o inovador City Safety de segunda geração com assistente de direção, que entra em ação quando a frenagem automática sozinha não seria suficiente para evitar uma colisão em potencial. Nessas circunstâncias, o carro oferece assistência à manobra para evitar o obstáculo à frente. O City Safety opera para evitar colisão contra veículos, ciclistas, pedestres e até animais de grande porte, atuando tanto de dia quanto durante a noite.

A station wagon também disponibiliza como item de série sistema de alerta de mudança de faixa – emite um alerta sonoro e esterça o volante automaticamente evitando possível acidente entre 65 km/h até 200 km/h –, sistema de proteção em saída de estrada, sistemas de proteção contra impactos laterais e lesões na coluna cervical, alerta de colisão frontal e sistema de monitoramento de pressão dos pneus.

Além desses equipamentos, o V60 oferece um sistema inédito no segmento: Mitigação de Pista Oposta, que aplica frenagem automática para reduzir o dano de colisão com um veículo que se aproxima na contramão. Seu funcionamento se dá entre 60 km/h e 140 km/h.

O modelo acrescenta ainda controle de cruzeiro adaptativo (ACC) com assistente de direção semiautônoma. O Pilot Assist – que atua na direção, na aceleração e na frenagem do veículo em vias bem demarcadas até 130 km/h.

Em sua estrutura, o V60 foi projetado para proteger ao máximo os passageiros de todas as colisões e acidentes, incluindo batida lateral e capotamento, além de dissipar por completo a energia nas zonas de impacto dianteira e traseira. Para adicionar força e reduzir peso e consumo de combustível, foi utilizado uma grande quantidade de aço boro, de alta resistência e um dos aços mais fortes disponíveis no mercado.

 

 

 

Fonte:S/A LLorente & Cuenca

Continue Lendo

Especial Salão do Automóvel de SP 2018

Novo Honda Accord 2019, o executivo rejuvenescido

Publicado

em

Por Alberto Panetto

A Honda finalmente trouxe para o Brasil o novo Accord. Um carro totalmente renovado, mais moderno e com linhas esportivas. Estreando sua nova plataforma, o carro apresenta o motor 2.0 Turbo VTEC, substituindo seu antigo V6, com câmbio automático de 10 marchas. Ainda destinado ao público executivo, o Honda impressiona com seu visual mais arrojado.

Por fora

Foto: SDA 2018/Gustavo Lopes

Na frente, destaque para a grade cromada em formato de asa e para o novo conjunto óptico full led, incluindo os faróis de neblina. O contraste do formato do para-choque com a grade de entrada de ar transmite agressividade, uma ousadia para o perfil do modelo. Há quem diga que lembra a dianteira do irmão mais novo, o Civic.

Na lateral, a linha de cintura ficou mais alta, com vincos salientes, acompanhando a curvatura do teto, remetendo a um cupê, aproximando-o ainda mais do Civic.

A traseira modernizou-se com as lanternas em LED e formato de bumerangue. Há ainda um discreto aerofólio, ressaltando sua esportividade, que também é destacada com suas rodas aro 18″ e as saídas duplas do escapamento.

Interior

O modelo está com o interior completamente renovado, com materiais de melhor qualidade e desenho mais ergonômico. Ficou maior também na frente e com espaço de sobra para os passageiros do banco de trás. O painel está posicionado mais abaixo, o que aumentou o campo de visão. Vale destacar a bela central multimídia de 8 polegadas. Bancos e revestimentos de portas em couro em cores claras, pode-se optar pelo preto também. Como o câmbio e o freio de estacionamento agora são acionados via botão, o console central ficou ainda mais espaçoso. A partida também é via botão, sem a necessidade de chave na ignição.

Motor e suspensão

O novo motor 2.0 Turbo VTEC com injeção direta possui 256 cv a 6.500 rpm; 37,7 kgfm entre 1.500 rpm e 4.000 rpm. São 4 cilindros, 16 válvulas, a gasolina. Com a nova configuração, o carro ficou mais silencioso e trabalha melhor as trocas de marchas, mesmo em baixas rotações. A suspensão independente é McPherson na dianteira e multlink na traseira, muito mais firme.

Foto: SDA 2018/ Gustavo Lopes

Geral

O porta-malas possui capacidade para 574 litros, o tanque de combustível comporta 56 litros, e o preço sugerido para o Brasil é R$ 198.500.

E aí, diz pra gente o que você achou do novo Honda Accord 2019. Você compraria um?

 

Fonte: Redação Clicarros

Continue Lendo

Em Alta

Hospedado por ServerPro